domingo, 10 de janeiro de 2016

Dando um Tempo em coisas Românticas



Uma Música Alegre pode ter até uma letra um pouco romântica mas  lembra mais época de discoteca com aquela coisa agitada


Sabe quando você chega em uma fase em que percebe mudanças em sua vida. Atualmente eu me sinto assim em relação a romantismo mal consigo escutar música que tenha tom romântico sei que sou uma garota que escuta the Beatles e de acordo com eles " All you need is love" mas as vezes a vida muda ou melhor a vida muda o tempo todo. Eu nunca fui tão romântica quando era pequena parei de acreditar em conto de fadas porque quando a princesa Diana morreu eu achava que era alguma da Disney e minha mãe falou que era uma princesa que não era feliz. Como eu achava que a Cinderela ou outra qualquer, assim eu não queria ser mais princesa como toda garota sonha sabe e passei a gostar das bruxas (Foi assim que surgiu a Bruxinha - meu apelido)

Então eu fui uma garota crescendo completamente diferente das outras meninas da minha idade, querendo ser a bruxinha da festa , curtindo coisas de Halloween e a-man-do filmes de terror. E eu sou muito feliz por isso pois eu adoro meu jeito diferente.

Eu até comecei a ver comédias românticas e até achava fofo mas sempre associei que aquelas "meiguices" apenas na imaginação pois em que universo paralelo o amor da sua vida vai chegar de surpresa no seu serviço com uma rosa ( Sim eu tô falando a Cena do Richard Gere do filme Dança Comigo) ou que você vai ter um beijo perfeito na chuva como no filme Como se fosse a primeira vez ou até o amor da sua vida em uma viagem para outro país para melhorar sua carreira larga a mão de tudo e consegue descer do avião para ficar com você para sempre igual em Friends? Isso é meio difícil pode ser que não seja impossível mas é mais comum fora da realidade.



Eu vejo as pessoas hoje em dia muito estressadas e frias , poucas pessoas escrevem cartas , entregam flores fora de ocasião , não é mais como mais na época dos nossos avós que faziam até serenata. Tudo bem que podia ser um pouco "brega" mas era o romantismo da época e sim tocava o coração das pessoas.

Sei que nossa geração é diferente nosso estilo de romantismo as vezes pode ser uma postagem em rede social , mensagem de texto aleatória mas lembrar em pequenos momentos toca o coração de muitos.



Musicas românticas nunca fui de escutar há um tempinho atrás tentei escutar cheguei até gostar uma música que eu escutava muito era anywhere de Evanescence mas ultimamente não consigo, tive minha época de Evanescence mas hoje não sou mais assim, escutei sempre Avril Lavigne mas as músicas dela sempre foram para um estilo "garota rebelde" não tem muito "mimimi". 

Filmes românticos não são tão atrativos hoje em dia para mim. Curto mais algo para dar risada, tipo Friends. Gosto de The Vampire Diaries tem romance mas não aquele cheio de "blá".
Música atualmente estou ouvindo bastante aquelas de décadas da época da minha mãe (aquelas música agitadas da época que existia discoteca ) ou um bom Rock clássico tipo The Beatles, Queen e AcDc.

As pessoas podem até pensar que eu estou abolindo tudo que seja romantismo, que devo está fazem um "motin" contra ele. Mas é como me sinto no momento.Não tô desacreditando no amor tanto porque amor não é só entre casal , existe também amor entre amigos, família e seu bichinho de estimação. É que no momento não me sinto mais romântica atualmente esses dias minha amiga Pandinha falou para eu definir amor e eu não conseguia pensar e eu sou daquele tipo de pessoa que escreve com facilidade só falar o tema mas eu não conseguia foi nisso que eu percebi que meu nível de romantismo tava baixo mas aí eu pensei no amor da minha mãe, no amor da minha amiga-irmã Juliana e na Maggie. Então pude ver há amor sem romantismo e que eu não preciso ser uma garotinha romântica o tempo todo eu até acho bonitinho coisas fofas mas no momento esse lado meu tá "morto" sim receber cartinhas , flores , ter aquelas "ceninhas" igual de filme é super fofo e faz o coração bater mais forte.


Eu não tô virando uma pessoa fria e nem parei de acreditar no amor. Apenas fatos em mim fizeram mudar e vou escutar mais músicas diferentes e ver outros estilos de filmes.E viver um pouco na realidade.Acho que essas mudanças as vezes são boas para tornamos pessoas um pouco diferente do normal.






2 comentários:

Obrigada pela Visita..